Comprar uma casa danificada por cupins?


Vale a pena comprar uma casa que já teve cupins?






Cupins. Apenas essa palavra faz sua espinha arrepiar. Ao comprar uma casa, a última coisa que você quer ouvir é a palavra cupins. Qualquer casa que seja ligada a essa palavra carrega um peso, um estigma do qual ela pode nunca se livrar. Como lidar com isso?  Esse estigma é um reflexo preciso dos riscos de comprar uma casa que já tenha sido infestada por cupins, ou há esperança para esses imóveis ainda?

Obviamente, quem está vendendo adoraria ouvir que esse estigma é injustificado, adoraria que os danos feitos pelo cupim não dissuadisse os futuros compradores; não há nada pior que tentar vender uma casa que já tenha sido infestada por cupins, já que a maioria dos compradores preferem fugir dessa compra.

A realidade é que entre um quarto e um terço dos imóveis no Brasil já foram infestados por cupins em algum ponto da vida, o que significa que um grande número das construções no mercado agora já foram infestadas no passado. Isso significa que há pessoas vendendo imóveis com um histórico de cupins. E há também muitos compradores procurando por lugares que já foram infestados no passado (saiba por que mais abaixo).




Isso significa que, ao procurar imóveis para comprar, você precisa estar absolutamente certo das condições do imóvel. É por isso que vale a pena contratar uma empresa para fazer uma inspeção completa no imóvel pela presença de cupins. Assim, você terá conhecimento do atual estado do imóvel e se o imóvel já sofreu danos causados pelo cupim. Mesmo que o proprietário seja totalmente honesto sobre as condições do imóvel, compensa fazer uma inspeção.

Uma vez informado sobre as condições do imóvel, você pode começar a pensar se vale a pena prosseguir com a compra. Se os danos feitos no passado foram remediados, e o imóvel está protegido contra futuras infestações (essas proteções podem ser providenciadas pela mesma empresa que fez a inspeção), então pode ser um bom negócio comprar o imóvel, mas caso os reparos não tenham sido adequados ou a casa não esteja protegida contra futuras infestações, talvez seja melhor pensar duas vezes antes de comprar.

Lembre-se que, caso confirmado que o imóvel já tenha sido ou se encontra infestado por cupins, você pode ter um fator de barganha em mãos. Se você descobrir que os danos foram pior do que se acreditava, ou que os reparos não foram feitos de maneira correta, você pode fazer uma oferta mais baixa que leve esses fatores em consideração. Ao negociar com um comprador cujo imóvel tenha sido infestado, você tem a vantagem.

O importante é lembrar que, contanto que os cupins tenham sido eliminados de maneira eficiente, e que você saiba o que está comprando, você poderá tomar a decisão certa em relação aos riscos e ao valor do imóvel.

Saiba Mais:

Fontes:


Categories: | Leave a comment

Leave a Reply

Dúvidas e Comentários?